6 mitos sobre Sites em WordPress
26 abr 2018
Compartilhar

6 mitos sobre Sites em WordPress

1968 Views

Quem tem sites em WordPress pode ficar tranquilo de que ele é disparado o  CMS de maior sucesso na construção de sites na internet. Isto já uma verdade absoluta desde a época do boom dos blogs.

Enquanto o mercado se digladiava na guerra de quem criaria a melhor ferramenta paga de blogs ou o melhor gestor de conteúdo para sites, o gratuito e open source wordpress foi crescendo com uma enorme comunidade de desenvolvedores ao redor do mundo e hoje é onipresente e reconhecido como a melhor ferramenta para sites e blogs.

Na tentativa de desqualificar o WordPress, foram surgindo alguns mitos que embora quase nunca  tivessem fundamento, ainda hoje mexem com a decisão de empresários na hora de adotar sites em WordPress.

O WordPress é um ferramenta de blog?

Não caia nesta armadilha.

O WordPress.com é uma ferramenta de blog excepcional, muito bem ranqueada pelo Google, mas o WordPress não se limita a isso. É o maior e melhor CMS (sistema de gerenciamento de conteúdos) para sites de qualquer porte. Inclusive, se for mesmo um blog.

O WordPress é grátis?

A pergunta parece meio óbvia mas já me fizeram, acredita? Sim, o Core que é sistema básico do WordPress é gratuito sim. As agências, como a Trampo, cobram pelo trabalho de implementação, configuração, arquitetura, registro de plugins, temas premium, otimização, segurança. Simples assim.

Ser um Open Source não significa ser de graça. Mesmo um plugin simples que normalmente é gratuito, pode notar que o desenvolvedor pede alguma doação. O Cláudio Sanches, por exemplo, disponibiliza plugins para WordPress extremamente úteis para quem o usa para lojas virtuais. Se fosse nos EUA certamente estaria um tanto rico. No Brasil as pessoas ainda não despertaram para este tipo de contribuição.

A qualidade da implementação é que define o valor do site, por isso há tanta diferença nos preços entre agências.

Uma agência pode fazer um site em WordPress em poucas horas, mas pode levar até meses, dependendo do escopo do projeto.

Na hora de construir sites para médicos ou sites para advogados, por exemplo, profissões que demandam sites de boa reputação, bem ranqueados pelo Google, o sites em WordPress é o caminho ideal.

O WordPress é inseguro?

Dentre as maiores bobagens que se espalha sobre ele. Um site em WordPress quando bem feito já é mais seguro do que qualquer site feito direto no código. Quando implementa-se as melhores práticas de segurança ele fica extremamente seguro.

O que acontece vez ou outra, por amadorismo ou descuido, a pessoa instala plugins inseguros, ou utiliza hospedagens vulneráveis.

O WordPress é lento?

Aqui daria para ficarmos elocubrando por horas. O WordPress tem mais linhas de código do que um site feito em um framework qualquer de PHP, sem dúvida. O Core foi desenvolvido ao longo das últimas duas décadas e é claro que não um sistema simplório.

O que acontece é que as agências profissionais, tem conhecimento suficiente para deixá-lo mais compatível com as exigências do Google. Há recursos de cache, de compactação de código, CDN, compressão automática de imagens. É o que difere a boa implementação da simples construção do site.

Em geral, o WordPress que é lento, mas é bem provável que sua hospedagem seja adequada. Os dois serviços de hospedagem mais usados do Brasil simples não são adequados ao WordPress e isso gera inúmeras distorções de funcionamento e perfomance.

Se seu site WordPress está lento, experimente este artigo da Trampo.

O WordPress não serve para comércio eletrônico?

Isto é protecionismo de fábricas de sistemas de e-commerce. O que se pode dizer é que o WordPress chegou tarde para brigar por este espaço. Não tem 3 anos que compraram os direitos de desenvolvimento do plugin Woo Commerce e já estão dando show.

Normalmente oferecemos as duas opções aos clientes: um sistema pronto de mercado e o WordPress + commerce. A médio e longo prazo o Woo Commerce é mais vantajoso e mais compatível com a otimização para buscas. Para quem quer brincar de ter loja, existem muitos sistemas de bom custo benefício.

Quem dá suporte para sites em WordPress?

A resposta é uma imensidão de opções. Você pode contratar o suporte de uma agência, por exemplo.

Você pode ter uma equipe que seja capaz de interagir com os inúmeros fóruns nacionais e internacionais.

Leave Your Comment