Marketing Digital é uma tendência para o Futuro do Varejo
01 Sep 2017
Compartilhar

Marketing Digital é uma tendência para o Futuro do Varejo

Estamos atravessando grandes mudanças na forma de como fazemos nossas compras. Sem ter ainda uma receita certa de sucesso, vemos uma grande necessidade de adaptação à essas mudanças.  

Estamos atualmente na quarta onda do varejo. A primeira foi a onda das lojas familiares de bairro, depois veio as vendas por catálogo, em seguida a de grandes lojas de departamentos que praticavam preços muito baixos. Agora, a transformação digital passou a ser protagonista.

As empresas que não se atualizarem acabarão morrendo. O varejo caminha para um modelo mais personalizado e socialmente influenciado.

Muitas mudanças estão a caminho. Ao que tudo indica os cartões de fidelidade baseados em pontos tradicionais vão se tornar uma coisa do passado, grande parte dos “single players” de varejo deixarão de existir e lojas de “checkout-less” se tornarão uma realidade obrigatória.

Confira abaixo as principais tendências do varejo que devem se firmar nos próximos 5 anos:

Espaço para a terceira idade

Em cinco anos, estima-se que haverá cerca de 32 milhões de brasileiros com mais de 60 anos. Hoje já somos 26 milhões nessa faixa etária. Esse público consumidor representa hoje 22% da renda  e eles querem mais além de planos de saúde e cruzeiros de navio.

Avanço do  segmento infantil

O avanço do mercado infantil é outra tendência pouco explorada no Brasil, enquanto nos Estados Unidos, por exemplo, um terço das vendas de uma das maiores rede de lojas de departamento, a Target, tem 1/3 de suas vendas com itens para crianças.

Obesidade

O futuro é do varejo especializado. O consumidor não quer nada adaptado. Hoje, por exemplo, 53% dos brasileiros estão acima do peso. E a falta de produtos feitos sob medida para esses consumidores faz com que muitos deles prefiram comprar em sites internacionais.

Prazo de entrega e parcerias

Os clientes estão cada vez menos tolerantes com prazos de entrega longos e esperam uma entrega cada vez mais rápida, confiável ou livre de custos. Embora o varejo já esteja com prazos cada vez mais curtos, esse sistema começa a apresentar rachaduras. No futuro a tendência é de que cada vez mais varejistas vão começar a cobrar pelos serviços de entrega a domicilio usando o valor da compra para beneficiar as mais altas.

Com compras através do click e retire, metade dos compradores globais já está influenciada pela capacidade de escolhas convenientes. Por isso, os varejistas deverão seguir essa mesma regra e para tal será necessário o uso de parcerias não convencionais para melhorar a velocidade do serviço a fim de proporcionar opções adicionais aos clientes.

Tecnologia no varejo

A loja do futuro precisa investir mais na capacidade de navegação “instore”. Além de poder entender melhor os hábitos de seu consumidor,  o varejista poderá se envolver com os compradores momentos antes da compra.

O pagamento através dos smartphones é outra tendência forte para o futuro próximo.

Alguns varejistas já estão testando lojas de “checkout-less” que permite aos compradores o uso de seus smartphones para digitalizar e pagar pelos itens comprados.

Materiais de Merchandising

Com o crescente uso de materiais para Merchandising no Ponto de Venda, nos últimos 20 anos, os grandes do varejo brigam em como chamar mais atenção no PDV.  Isso acabou gerando dois pontos negativos: uso sem propósito de alguns materiais, como por exemplo um móbile aéreo que deveria servir somente para indicar a posição de um produto e passou a tentar comunicar outras coisas que ninguém vai ler e a falta de organização que reduz a “performance” e consequentemente leva ao “sellout”.

Essas são algumas das tendências de mudanças no varejo do futuro. E a briga por preços na indústria do merchandising faz surgir novatos que deixam esse mercado pouco profissional, pois, na maioria das vezes, na hora de contratar serviços, leva-se em conta somente o preço e não a qualidade e expertise.

Por isso em sua próxima decisão, decida-se pelo melhor. Consulte a Agência Trampo, podemos te ajudar a migrar parte de seus investimentos para o ambiente digital, acredite, quem fica fora das redes sociais ou para àqueles que não dão importância para um bom site, vai perder espaço para os mais antenados e que já possuem presença digital.

 

Leave Your Comment