WordPress: Mitos e verdades sobre o sistema e temas premium

Muitos empresários tem uma visão pouco distorcida sobre o uso de WordPress e os temas gratuitos ou temas premium.

Na visão de muitos, o uso do wordpress – um publicador gratuito de código aberto – seria um atalho ao desenvolvimento do zero, uma maneira das agências de sites aumentarem a rentabilidade de seus serviços.

Outra distorção é verem os temas premium como “algo barato” ou “não exclusivo”.

Sem querer fazer o papel de advogados de causa própria, é preciso esclarecer alguns pontos sobre estas visões. Vamos ponto a ponto.

O que é o WordPress?

Nascido como blog e de código aberto, foi adotado pela comunidade desenvolvedora e hoje em dia é considerado o melhor publicador para sites de qualquer porte no mundo, usado por cerca de 3 bilhões de sites.

Compatível com plug-ins

A altíssima disponibilidade de plug-ins o torna mais apto que qualquer publicador a receber recursos de :
• Segurança
• Otimização para buscas
• Integrações com redes sociais
• Manutenção
• Evolução

O que são temas Premium?

Diferente do que muitos pensam não se trata de modelos prontos, mas sim de suítes de recursos pré-programados de layout e responsividade, que tornam um projeto de site mais robusto e controlável do ponto de vista de alterações. São modelos trabalhados pelas comunidades desenvolvedoras e empresas especializadas.

Se eu quiser um design totalmente exclusivo para minha empresa, posso ainda assim usar o WordPress?

O custo do desenvolvimento de um tema personalizado e o da compra de um tema pronto são bastante equivalentes. O tema personalizado pode sair um pouco mais caro, dependendo dos recursos utilizados.
A vantagem adicional dos temas premium prontos é que muitos vem com diversos plug-ins que seriam pagos separadamente, gratuitamente inclusos.
E a desvantagem é que são mais difíceis de configurar, o que os deixam ainda mais caros e sucetíveis à atualizações constantes.

Usar um tema free barateia o desenvolvimento de um site?

Em média um tema Premium WordPress custa 50 dólares, ou seja, não vale a pena, haja vista que o tema premium recebe recursos extras e suporte.

Se o WordPress é gratuito, porque o desenvolvimento de um site em WordPress custa praticamente o mesmo preço de um site desenvolvido do zero em PHP?

Porque o volume de trabalho na implementação profissional é praticamente o mesmo. A diferença é que quem faz um site do zero, normalmente faz um sistema ultra-simplificado, com poucos recursos e dependente do suporte do desenvolvedor, enquanto que para WordPress a documentação e a mão de obra disponível para soluções de problemas é vasta.

É verdade que um site em WordPress é mais fácil de ser invadido do que outros sistemas?

Mito, qualquer site pode ser invadido. A diferença está no profissional que implementa que opta por reforçar ou não a segurança contra invasores e spammers.

É verdade que o WordPress deixa um site mais lento?

O que mais deixa um site lento é a desleixo profissional. Assim solução mal implementada aliado a serviços de hospedagem ruins, tornam a solução provavelmente mais lenta.
Aqui você encontra um guia completo sobre otimização de WordPress.

Conclusão: O uso de um tema Premium só tende a aumentar a qualidade do site, além disso, são amplamente customizáveis, o que os torna tecnicamente exclusivos e muito flexíveis à mudanças durante o projeto, sem que seja necessário grandes manobras de alteração de escopo.